Alta qualidade e variedade de protocolos

Soluções em conectividade óptica (fibra)

O cabeamento óptico oferece alta qualidade e grande variedade de protocolos compatíveis. No padrão Ethernet, o mais popular a tecnologia óptica oferece desempenho melhor em grandes distâncias e para elevadas taxas de transmissão, superando a do tradicional cabeamento metálico. A instalação em redes locais segue os mesmos requisitos das normas para edifícios comerciais, Data Centers ou residências.

Image module

A utilização da fibra óptica associada ao cabeamento metálico apresenta vantagens significativas devido à sua capacidade de permitir o tráfego de informações em alta velocidade, com maior largura de banda e, ainda, ser capaz de alcançar grandes distâncias.

O rápido avanço tecnológico ocorrido nas telecomunicações e a necessidade de maiores taxas de transmissão que permitam diversos serviços, como multimídia, internet, teleconferência e outros, fazem do cabo de fibra óptica o melhor meio de transmissão.

Permitindo altíssimas taxas de transmissão, na ordem de Gbps (bilhões de bits por segundo), porém para que haja o tráfego de dados e a taxa de transmissão no meio físico de fibra óptica são necessários equipamentos conversores de mídias.

Os cabos ópticos são construídos com materiais apropriados para uso diversificado por meio de um conjunto de redes internas e de terminações (indoor/outdoor) e diversos modelos de redes aéreas e subterrâneas. As fibras ópticas podem ser classificadas de dois modos: Monomodo e Multimodo.

Fibras Monomodo
As fibras monomodo são adequadas para aplicações que envolvam grandes distâncias, embora requeiram conectores de maior precisão e dispositivos de alto custo. Nelas, a luz possui apenas um modo de propagação, ou seja, percorre o interior do núcleo por apenas um caminho. Indicado em maiores distâncias devido à largura de banda superior a fibra multimodo e ter menor dispersão do sinal.
Fibras Multimodo
As fibras multimodo possuem o diâmetro do núcleo maior do que as fibras monomodo, de modo que a luz tenha vários modos de propagação, ou seja, a luz percorre o interior do cabo de fibra óptica por diversos caminhos. Esse tipo de fibra é utilizado normalmente em curtas distâncias. Fibras multímodo são identificadas pela designação OM (“optical mode”)

O Grupo BRTelecom cita vários motivos para justificar a utilização de fibras no lugar dos cabos de cobre e a primeira delas é a perda na potência do sinal transmitido. Os sinais que são transmitidos através de uma fibra óptica experimentam menor atenuação (ou perda da potência dos sinais) e, portanto, podem trafegar por distâncias muito maiores. Mesmo para distância relativamente curtas, as fibras ópticas ainda se sobressaem aos cabos de cobre mais avançados.

GPON e EPON

 As redes PON (Passive Optical Network) usadas em arquiteturas FTTH (Fiber-To-The-Home) para entrega de serviços de dados, voz e vídeo, utilizam-se basicamente das divisões de fibras ópticas provenientes de portas da OLT. Por ser uma rede “transparente” e livre de equipamentos ativos entre as pontas, ela pode ser utilizada por diferentes tecnologias, como a GPON (Gigabit Passive Optical Network) integralmente fornecida pela nossa parceira Furukawa, tanto para equipamentos ópticos de transmissão (OLTs) quanto os de terminação (ONTs/ONUs).

Conheça as opções

Nossas Redes

Central de Equipamentos

É o início da rede onde ficam instalados os equipamentos ópticos de transmissão (OLTs), Distribuidores Ópticos (DIOs e DGOs), splitters, racks e cordões.

Rede de Distribuição

Responsável pela transição dos cabos de maiores formações de fibras ópticas provenientes da central para cabos de menor formação que chegarão às caixas de assinante. O produto chave para este trecho é a caixa de emenda óptica ou CEO e o splitter óptico.

Rede de Acesso

Transição entre os cabos da rede de distribuição externa para a interna. Os produtos chaves para este trecho da rede são a caixa de terminação óptica (CTO) e os cabos de acesso, por exemplo os cabos drop.

Rede de Terminação

No final da rede é feita a transição dos cabos drop para a conexão do equipamento final (ONU/ONT), passando pelo ponto de terminação óptica (PTO/Roseta Óptica). Nesse ponto de terminação a ONU/ONT é interligada à rede de acesso geralmente através de um cordão óptico.

Nosso destaque

Laserway Furukawa

As empresas necessitam de informações com mais agilidade, disponibilidade e segurança. A solução Laserway da Furukawa permite melhorar a infraestrutura de Redes de Áreas Locais (LAN). Além disso, permite reduzir gastos pois proporciona o uso de salas técnicas mais simples, com menos ativos de rede, e a diminuição do consumo do sistema de ar condicionado.

Hoje, as companhias precisam de redes de fibra óptica que atendam à demanda por dados com extrema facilidade. Isso é um dos aspectos que contribuem para essa solução ser bastante aceita no mercado. Criada para atender ao segmento de Mercado Enterprise, a solução Laserway da Furukawa se caracteriza por adotar a tecnologia GPON (Gigabit Passive Optical Network), que consiste em uma rede de fibras monomodo com topologia ponto-multiponto. Isso faz com que haja somente itens ópticos passivos entre o único equipamento de agregação de rede (Core) e os que ficam nas áreas de trabalho.

Na Laserway, a transmissão de dados acontece entre um equipamento OLT (Optical Line Termination), situado na sala de equipamentos, e os dispositivos ONT (Optical Network Termination), que ficam nas áreas de trabalho.

Infraestrutura Simplificada

A utilização de elementos ópticos passivos e compactos ao longo da rede permite a diminuição das salas técnicas e do tamanho das eletrocalhas e dutos.

Diminuição do Consumo de Energia

Devido à redução do número de salas técnicas necessárias para a rede local, também diminui a necessidade de equipamentos para refrigeração e alimentação elétrica das salas. Além deste fator, os equipamentos da solução Laserway apresentam um baixo consumo de energia por transmitirem dados em um meio óptico.

Melhor Controle de Banda

Como na solução Laserway os equipamentos OLT e ONTs estão localizados somente nas terminações da rede óptica, o controle da banda utilizada em cada uma das ONTs é facilitado. Esta caraterística de ter o equipamento centralizador da comutação do tráfego em um ponto central da rede também se encaixa perfeitamente com o perfil de tráfego das redes locais atuais.

Rede à Prova de Futuro

A rede de distribuição da solução Laserway, formada por fibra óptica, splitters e acessórios ópticos, tem uma capacidade de transmissão na ordem de Tbps (Terabits por segundo). É sabido que os equipamentos ativos, com o passar do tempo, têm aumentos significativos em suas taxas de transmissão de dados. A infraestrutura da solução Laserway implantada hoje já estaria pronta para suportar esta futura demanda.

Rede para Edificações Green Building

Muitas das características da solução Laserway são essenciais para atender aos programas de incentivo ao uso de recursos eficientes, pois contribuem com a diminuição do consumo de energia dos sistemas de refrigeração e da quantidade de material usado no cabeamento e acessórios.

Economia de Investimentos

A solução Laserway traz importantes reduções em CAPEX (custos dos materiais) e OPEX (custos de operação).

LIGAR AGORA
Atendimento rápido
SOLICITAR ORÇAMENTO
Preencha o formulário

Atendimento é essencial
para o sucesso do projeto.

Nosso time está apto realizar execução e garantir a entrega com 100% de satisfação dos nossos clientes, com Gestores de Projetos experientes em ferramentas em ITIL, PMI e ISOS, que estão presentes em todas as fases do projeto, garantindo prazos, orçamentos e qualidade total na entrega do projeto. Entre em contato através do telefone ou e-mail abaixo, ou se preferir, solicite um contato pelo formulário de solicitação.

 

Telefone
+55 19 3324-5227
Whatsapp
+55 19 98394-4400
E-mail
vendas@grupobrtelecom.com.br
Endereço
Rua Nossa Senhora de Fatima, 166 - Nova Paulinia. Paulinia/SP

Solicitar um contato

Preencha e receba um ligação de nossos atendentes em até 24hs

*

*

*

*

*